domingo, 13 de janeiro de 2008

A Caixa de Pandora abriu de novo!

A rádio, e não uma rádio da Internet voltou ao Brasil.

A melhor rádio on-line que eu já tive o prazer de escutar na vida, agora ganhou uma versão global. O Pandora, que só aceita atualmente ouvintes americanos e canadenses, ganhou uma versão planetária, o Global Pandora.

O novo site pede doações, mostrando no canto esquerdo um chapéu humildemente fazendo este pedido. Quem já conheceu o serviço anteriormente sabe o quanto ele é bom, e certamente fará doações.

O mecanismo do pandora faz uma análise que eles chamam de DNA da música, e agrupa os artistas por semelhança. Você cria rádios e ele sugere músicas semelhantes, acabei descobrindo muita coisa boa graças a este algoritmo.

Depois que a gente cria várias rádios com bandas, artistas ou simplesmente músicas que gostamos, temos a sensação que estamos ouvindo a coleção de músicas de alguém que tem quase o mesmo gosto que nós mesmos, o que dá muito prazer.

Uma das vantagens do Pandora é que podemos criar várias rádios, cada uma com um estilo diferente dentro desta meta-rádio e escolhermos que tipo de música ouvir cada vez que nos conectamos. Outra grande sacada é a QuickMix, uma rádio que mistura todas as outras numa só.

Algumas características do serviço original ainda fazem um pouco de falta, como por exemplo um botão para pular para a próxima faixa, mas pelo que vi o site é novo e pode melhorar ainda em muito. Por falta de atenção, pressa de utilizar o novo serviço e falta de intimidade com o novo visual um pouco diferente do Pandora original postei o comentário acima, de qualquer forma, o botão fica do lado direito do tocar/pausa.

Outra coisa que não acabou de vez com minha orfandade foi não haver suporte para o Pandora-fm, um mashup que fazia uma ponte entre o Pandora e o last-fm, uma rede social e também outro mecanismo de descoberta de músicas do qual também participo. Os dois serviços são bem diferentes mas funcionando juntos se tornam um verdadeiro reservatório de descobertas musicais.

Mais uma facilidade que ainda falta é a integração com o FoxyTunes o que tornaria o serviço tão poderoso quanto o original que os congressistas americanos egoistamente tiraram do resto do mundo. E como o site é um serviço de descobertas, ele mesmo saiu perdendo, pois quanto mais gente usar melhor ele se tornará!

Quem acabou me atropelando foi o Pedro Menezes, eu acreditava piamente que corria o risco de trazer esta novidade para a blogosfera nacional, mas pelo que vi no Rec6, já é notícia antiga, eu é que estou desinformado. Quem mandou ser preguiçoso!

2 comentários:

Marcelo disse...

Genial a atualização da página, com o texto tachado!
Isso é, ao mesmo tempo, respeito ao leitor e humildade do autor.

Aguinaldo disse...

Tive que usar as tags {strike} e "{/strike}", o blogger não dá esta opção. //Basta trocar as chaves por maior e menor. Estas tags não são permitidas nos comentários do blogger.//

Sou passível de erros igual todo mundo. Muitos blogueiros sérios consertam seus erros, prefiro ficar ao lado deles do que editar o blog eternamente para parecer que sempre estou certo.

Acredito no respeito e o incentivo sempre que posso.

Pensei realmente que isto iria passar em branco. Valeu mais uma vez Marcelo! :o)

Google Analytics

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

wibiya widget